#  DESTAQUES  #


Marcação Online de Consulta


 



















 


Ansiedade antes de extração tem influência na recuperação do paciente

A ansiedade sentida por um paciente pode influenciar os resultados e a recuperação depois de uma intervenção odontológica. De acordo com um estudo realizado na Universidade de Sevilha, a ansiedade antes da submissão a uma cirurgia odontológica pode influenciar negativamente a recuperação do paciente.

De acordo com os responsáveis pelo estudo, que analisou 88 pacientes que se submeteram à extração de um molar inferior, “quando um médico dentista oferece informação pré-operatória e conversa com o paciente sobre a cirurgia antes de esta acontecer, o paciente sente-se mais relaxado durante a cirurgia e diminui o seu nível de ansiedade.”

 

Tratamento de Cárie

Descoberta Nova Técnica Para Tratar Cárie Com Laser

Fim das cáries? Testes em humanos serão feitos em breve - FreeImages

"LONDRES - A agonia dos tratamentos de canal pode estar perto do fim. Cientistas descobriram uma maneira de tratar cáries com um feixe de laser em apenas cinco minutos. O estudo foi publicado na “Science Translational Medicine”.

A nova técnica — embora só testada em ratos até agora — pode evitar a necessidade de obturação podendo, eventualmente, substituir o tratamento de canal doloroso e caro. Os pesquisadores descobriram que a explosão intensa de luz do laser ativa uma reação química na boca, e isto “acorda” as células-tronco do dente, que formam então uma nova dentina.

O pesquisador Praveen Arany, do Instituto Nacional de Pesquisa Dental e Craniofacial, em Maryland, nos EUA, disse ao “Telegraph” que espera testar a técnica em pessoas em breve. Se os testes forem bem sucedidos, as dentaduras estarão com os dias contados, segundo ele. Mas as obturações ainda podem ser necessáriaa para alguns tipos de cárie." (Por Globo, Maio 2014)


Toxina Botulínica (Botox®) é usada por médicos dentistas em tratamentos de problemas de saúde bucal

A Toxina Botulínica, famoso Botox®, conhecida por disfarçar rugas de expressão e flacidez no rosto, é utilizada também no tratamento odontológico para normalizar o músculo que apresenta hiperfunção melhorando o ranger de dentes (bruxismo), sorriso gengival (mostram a gengiva em excesso), dores de cabeça (ATM) e dor orofacial, entre outros problemas.

A Toxina Botulínica é mais um recurso terapêutico que a odontologia dispõe para solucionar problemas, ela age paralisando o músculo que está em hiperfunção, devolvendo-lhe o estado de normalidade. O procedimento é seguro e não há nenhum comprometimento motor da boca. É um tratamento simples, eficiente, feito em dez minutos com agulha fina – como a usada para aplicar insulina – e com alto grau de satisfação relatado pelos pacientes.

Para o bruxismo, por exemplo, a toxina botulínica ajuda tanto os pacientes que rangem quanto os que apertam os dentes. A substância é aplicada de cada lado da face, nos principais músculos da mastigação para fazê-los perderem a força excessiva. É um tratamento novo que vem apresentando resultados incríveis, ideal para quem não quer mais dormir com a placa protetora nos dentes. O tratamento também é usado para casos de disfunção de ATM e dor orofacial (caracterizada pela fadiga dos músculos da mastigação).

Pacientes que ao sorrirem mostram a gengiva em excesso - chamado sorriso gengival - podem escapar/ livrar-se da cirurgia nos casos em que a distância do lábio até a gengiva não excede três milímetros. Uma pequena aplicação no músculo interno do buço, responsável por tracionar o lábio superior para cima, impede que ele suba e, mantendo-se no lugar, expõe menos a gengiva. A melhora do quadro é notória e não há perda de sensibilidade no lábio superior, nem a sensação de face paralisada.
 
A toxina botulínica é muito útil ainda na preparação dos músculos da boca do paciente que vai fazer implante dentário. A substância ajuda no relaxamento da musculatura da mastigação, o que favorece a adaptação ao uso de próteses dentárias, assim como também pode ser empregada nos tratamentos preventivos, como em casos de implantes de carga imediata e reabilitações estéticas, entre outras possibilidades.

Assim como acontece quando usado para fins estéticos, pela Medicina, a toxina botulínica na odontologia também tem duração de seis meses e precisa ser reaplicado para continuidade do bom resultado.

Entre as suas vantagens mais significativas, trata-se de uma intervenção cujos resultados se verificam rapidamente e de uma solução que apresenta pouquíssimos – e passageiros – efeitos colaterais, de forma que a sua utilização é bastante segura.


Perda de dentes está ligada à ateroesclerose

Um estudo realizado no Japão demonstrou que a perda de dentes está ligada à ateroesclerose, patologia que produz um espessamento e endurecimento da parede das artérias, provocando problemas cardiovasculares, renais e cerebrais. De acordo os cientistas, apesar da ligação entre as duas doenças, a severidade da ateroesclerose varia entre homens e mulheres com problemas orais.

Os investigadores recolheram dados de 8124 pacientes entre os 30 e os 75 anos com historial de perda de dentes. As análises realizadas revelaram que a ligação entre a ateroesclerose e a perda dentária dependia do género, com apenas os homens a demonstrarem uma correlação positiva.

O estudo, intitulado “Tooth loss and atherosclerosis: The Nagahama Study”, pode ser consultado na revista científica Journal of Dental Research.


Estudo associa doença periodontal às doenças renais

Um estudo publicado recentemente nos Estados Unidos da América, concluiu que as pessoas com doenças periodontais severas têm quatro vezes mais probabilidades de sofrer de doença renal.

A investigação levada a cabo pela investigadora Vanessa Grubbs analisou 699 adultos afro-americanos, que foram submetidos a exames orais completos durante quatro anos. Durante esse período, cerca de 21 pessoas desenvolveram doença renal e os participantes com doenças periodontais severas revelaram ter quatro vezes mais probabilidade de sofrer da doença do que aqueles sem doenças periodontais.

“Pelo facto da doença periodontal ser comum e poder ser tratada, identificar os seus maiores targets pode ser uma forma eficaz de reduzir as disparidades existentes a nível racial e étnico no que diz respeito às doenças renais”, concluiu a investigadora.

*Study: "The Association Between Periodontal Disease and Kidney Function Decline in African Americans: the Jackson Heart Study" (Abstract FR-OR916)


Sistema de anestesia sem agulhas

Sabia que 10% dos adultos admitem ter medo de agulhas? Mas a realidade é que os 90% restantes também não são propriamente adeptos de uma "picadinha"!
Nós temos consciência que causamos uma sensação menos agradável, pois temos que anestesiar dezenas de pacientes todos os dias. Um sistema inovador de administação de anestesia, sem o desconforto da picadela com agulha.

Este sistema inovador faz a aplicação da solução anestésica através de um micro-disparo, que introduz a solução anestésica através da musosa oral. 
Desse modo não é necessária a utilização da agulha, tornando-se um sistema ideal para os pacientes com receio de agulhas ou mesmo para crianças.


Cola Cirúrgica

A Cola Cirúrgica Glubran é um produto médico-cirúrgico para uso cirúrgico interno e externo. É uma cola sintética biodegradável e está pronta para o uso. Possui elevadas propriedades hemostáticas e adesivas e, uma vez solidificada, promove uma eficaz barreira anti-séptica contra os agentes infecciosos ou patógenos mais comuns nas intervenções cirúrgicas, laparoscópicas e tratamentos endoscópicos.Está indicada em todos os tipos de cirurgias tradicionais. Além disso, Glubran 2 pode ser utilizada como agente embolizante em radiologia e neuroradiologia de intervenção vascular.
 


Fumar durante a gravidez pode levar ao aumento do risco de fissuras orofaciais

O Office of The Surgeon General, em Washington, do departamento governamental que gere e regulamenta a saúde pública nos EUA, publicou o seu relatório de 2014, "As Consequências do Fumo para a Saúde - 50 anos de Progresso: Um Relatório do Surgeon General", que menciona as implicações do consumo de tabaco para a saúde oral.
Entre outras conclusões, o relat´´orio demonstrou como evidência adicional que o tabagismo materno no início da gravidez está associado ao desenvolvimento do lápio leporino e fenda palatina em crianças. O relatório demonstra que o fumo do tabaco inclui cerca de sete mil compostos que oodem interferir de várias forma no desenvolvimento normal dos órgãos do feto, incluindo insuficiência na formação do lábio superior ou do palato, durante o desenvolvimento fetal.
O fumo pode aumentar o risco de fissura orofacial entre 30 a 50%. Um estudo recente, mencionado no relatório do Office of The Surgeon General, mostrou que o risco de fissuras orofaciais duplica com a exposição ao tabagismo materno.
O relatório destaca que um embrião é mais facilmente perturbado durante um período de organogêse a partir de 15 a 60 dias após a conceção. Com o lábio leporino, por exemplo, o tecido que constitui o lábio forma-se completamente entre a quarta e sétima semana de gravidez. Com a fenda palatina, o tecido compõe o palato forma-se corretamente entre a sexta e nona semana de gravidez.
Outras marformações congénitas, tais como defeitos cardíacos congénitos, estão associados ao tabagismo materno, assim como um aumento de 27% no risco de parto prematuro.
Nos EUA, estima-se que mais de 400 mil fetos in utero estejam expostos ao consumo de tabaco materno.
O retatório está intergralmente disponível no site do Office of the Surgeon General (www.surgeongeneral.gov).


Nano Tecnológicos

Todos os anos surgem inovações ligadas à medicina dentária e implantologia. O tratamento da superfície dos implantes determina em grande parte o sucesso obtido na cirurgia.

A nano tecnologia aplicada ao tratamento da superfície do implante contribui para aumentar a sua eficácia tanto na cicatrização como para melhorar substancialmente a formação óssea.

O que é a Nanotecnologia?

Trata-se de um conjunto de disciplinas tais como a física, a química, a biologia molecular em conjunto com a informática, que criam e estudam nanopartículas. Estas nano partículas moleculares são depois utilizadas e adaptadas a várias áreas, entre as quais destacamos a saúde.

Constroem-se nano fábricas tecnológicas que produzem moléculas e que se adaptam a vários fins. No caso da saúde a nano tecnologia procura resolver vários problemas humanos e curar doenças.

Vantagens da Nanotecnologia:

Cicatrização mais rápida. O tempo de cicatrização após cirurgia é muito mais rápido. Antigamente, em casos difíceis eram necessários cerca de cinco meses para o processo de cicatrização estar concluído. Com o recurso a esta nova tecnologia o processo pode demorar apenas um ou dois meses. A cicatrização já não é uma dificuldade.
As infeções bacterianas são raras. Quanto maior for o tempo de cicatrização de uma cirurgia, maior é o risco de surgir uma infeção. Com a nono tecnologia aplicada ao tratamento da superfície do implante a cicatrização é rápida e a probabilidade de uma infeção é rara.
Ósseo integração mais rápida e maior estabilidade. Se a fixação no osso maxilar ou mandibular for mais eficaz a estabilidade aumenta. Este processo melhorado pela nano tecnologia garante um maior conforto do paciente ao mastigar alimentos e sobretudo permite mastigar alimentos mais duros. A durabilidade do implante pelos motivos apresentados será maior. Este tipo de implantes é muito utilizado em protocolos de carga imediata porque devido às suas característica a ósseo integração é mais rápida. A nanotecnologia é assim utilizada para acelerar o processo de integração e cicatrização.






 



Contactos

Unidade Entrecampos:
(+351) 218260315
(+351) 915980601
(+351) 968407272
(+351) 936382930

Unidade Portela:
(+351) 211321155
(+351) 918938620

URGÊNCIAS DENTÁRIAS
(+351) 913387161

 info@clinicaldent.pt