#  DESTAQUES  #


Marcação Online de Consulta


 



















PERGUNTAS (FAQ) :: Implantologia « anterior
Implantes Dentários em Pacientes Diabéticos
 

Implantes Dentários em Diabéticos

Nos dias de hoje, a Diabetes já não é classificada com uma contra-indicação para a realização de tratamentos de reabilitação oral com Implantes Dentários. Como está descrito e provado cientificamente há vários anos. A Diabetes é um factor de risco na evolução da Doença Periodontal, factor este, que pode agravar o grau de severidade desta doença em doentes predispostos para tal.

A incidência da Diabetes Mellitus, especialmente a tipo II, tem vindo a aumentar na Europa Ocidental, onde Portugal não é excepção. Esta caracteriza-se por um aumento dos níveis de glicemia no sangue, onde o tratamento desta visa realizar o controlo metabólico ideal, com fim a evitar complicações na saúde em geral e na saúde oral em particular.

A relação Diabetes/Tecidos Periodontais tem sido alvo de vários estudos, com resultados que nos permitem afirmar que a Diabetes não controlada é um factor de risco elevado para a evolução de Doença Periodontal para graus moderados a severos, com consequências nefastas paras os dentes, pois os níveis de glicemia elevados comprometem: a integridade dos vasos sanguíneos dos tecidos que suportam os dentes e as condições metabólicas normais do osso alveolar, levando assim à perda de peças dentárias e perda de osso maxilar e mandibular.

No que diz respeito à Implantologia (Implantes Dentários) nos pacientes diabéticos, estudos publicados muito recentemente, indicam-nos que embora níveis de glicemia elevados não permitam as melhores condições para a osteo-integração dos implantes dentários, a taxa de sucesso de implantes osteointegrados ronda os 97,3 %, aquando da Diabetes e a Doença Periodontal se encontram controladas e supervisionadas pelas especialidades médicas responsáveis.

Ou seja, a hiperglicemia não favorece a simples cicatrização do osso e dos tecidos moles em redor do implante, assim como não promove a cicatrização dos tecidos periodontais no dente natural. No entanto níveis controlados de glicemia favorecem uma normal cicatrização e osteointegração dos implantes dentários, seguindo o mesmo protocolo de um paciente não diabético.

Sendo assim, podemos concluir que apesar de a Diabetes ser um factor de risco na Doença Periodontal e na Doença Perimplantar, o paciente diabético quando controlado pelo seu médico assistente e médico dentista, reúne todas as condições necessárias para um tratamento de reabilitação oral com total segurança, eficácia e longevidade.






 


Contactos

Unidade Entrecampos:
(+351) 218260315
(+351) 915980601
(+351) 968407272
(+351) 934113585

Unidade Portela:
(+351) 211321155
(+351) 918938620

URGÊNCIAS DENTÁRIAS
(+351) 913387161

 info@clinicaldent.pt

 

Actualizamos a
Politica de Privacidade


CONSULTE